terça-feira, 3 de setembro de 2013

Minha Casa e Eu, Somos família bendita do Senhor....



Esta é uma afirmação de fé por Josué no Antigo Testamento. Este versículo expressa o coração de um grande líder espiritual no final de sua vida. Nestas palavras simples encontramos a vontade de Deus expressamente afirmada. Devemos servir ao Senhor e fazer tudo ao nosso alcance para ver que a nossa família sigua o nosso exemplo. “Se, porém, não lhes agrada servir ao Senhor, escolham hoje a quem irão servir, se aos deuses que os seus antepassados serviram além do Eufrates, ou aos deuses dos amorreus, em cuja terra vocês estão vivendo. Mas, eu e a minha casa serviremos ao Senhor.” Josué 24:15  

Quando os filhos de Israel entraram na Terra Prometida, eles estavam se preparando para viver em casas permanentes em vez de tendas que eram desmontadas cada poucos dias ou semanas. Seu líder, Josué, emitiu um forte desafio para as familias israelitas. Que Deus ou deuses eles irian servir? Serveriam os deuses do Egito onde foram escravizados? Serveriam os deuses adorados por diversos povos que encontraram em sua nova terra? Ou serveriam a Deus que os conduziu para fora da escravidão no Egito, e os guiou através dos anos de peregrinação no deserto e os trouxe a esta Terra Prometida? Eles tinham que fazer uma decisão, e sua decisão faria toda a diferença no mundo, não somente em suas vidas mas em toda sua história.  

Há muitas escolhas que podemos fazer, no entanto, a que é absolutamente vital é para servir ao Senhor. Podemos optar por ter os nossos falsos deuses (o amor ao dinheiro, roupas, jóias, esportes, TV, etc.) ou podemos escolher a caminhar com Deus. Precisamos estar cientes de que tudo o que nós amamos mais do que Deus é um deus falso. Assim como Josué, o apóstolo Paulo nos exorta: “ Não se amoldem ao padrão deste mundo, mas transformem-se pela renovação da sua mente, para que sejam capazes de experimentar e comprovar a boa, agradável e perfeita vontade de Deus.” - Romanos 12:2 

Outra mensagem muito importante para se concentrar nesta passagem são as palavras “escolha hoje.” Nenhum indivíduo tem a garantida e a oportunidade de responder a Deus em algum momento futuro, porque a Bíblia proclama: “Hoje é o dia da salvação” (2 Coríntios 6:2).  

Josué ordenou ao povo a arrepender-se, colocando fora os deuses de seus antepassados e os deuses estrangeiros: “joguem fora os deuses estrangeiros que estão com vocês e voltem-se de coração para o Senhor, o Deus de Israel” (v. 23). Quando os israelitas manifestaram lealdade sem um fim definitivo às suas práticas, Josué deve ter os lembrado do que Moisés lhes tinha dito que não seriam capaz de servir a um santo, Deus zeloso, porque Deus não tolera rivais. “Não te prostrarás diante deles nem lhes prestarás culto, porque eu, o Senhor, o teu Deus, sou Deus zeloso” (Éxodo 20:5).  

A decisão para servir ao Senhor com base somente no entusiasmo não vai durar. A decisão de um cristão exige integridade: “Agora temam o Senhor e O sirvam com integridade e fidelidade. Joguem fora os deuses que os seus antepassados adoraram além do Eufrates e no Egito, e sirvam ao Senhor.” (Josué 24:14). A decisão de seguir a Deus significa uma decisão formada com um compromisso “de sinceridade e verdade.”  Isso significa servir de todo coração, servir com integridade, ou sem culpa. Isto era a realidade para os israelitas como é a verdade para toda a humanidade.  

Josué tomou a decisão junto com sua família para servir ao Senhor. Será que você e sua casa servirão ao Senhor? Precisamos estar cientes de que nossas decisões têm conseqüências boas ou más, não só sobre nós, mas também sobre outras pessoas. A decisão egoísta afeta nossas famílias de forma negativa. Da mesma forma, a decisão de servir a Deus influencia positivamente nossas famílias.  

Assim como Josué mostrou o caminho à Deus, cada um de nós temos a mesma oportunidade. Peça a Deus para ajudá você a examinar seu coração, porque como crentes nascidos de novo a Bíblia nos diz que somos embaixadores de Cristo (2 Coríntios 5:20). Se estamos aposentados, trabalhando ou somos dona de casa, devemos estar ensinando o caminho à Deus e ajudar outros à chegar ao conhecimento salvífico de Jesus Cristo. Se você segue a Cristo, vai chegar um momento em que você deve dizer a alguns de seus conhecidos, “faça o que quiser, mas eu vou servir ao Senhor.” Esta é uma decisão pessoal, mas no final se chegar a este ponto, você deve optar por servir ao Senhor. 

Assim como Josué deu um bom exemplo para sua família seguir a Deus, cada homem cristão deve fazer uma declaração semelhante à família que o Senhor lhe deu. Embora Josué poderia dar o exemplo, ele não poderia fazer a escolha para eles, as pessoas tinham que escolher para si mesmas.  A quem você servirá hoje? 

“Eu e a minha casa serviremos ao Senhor”.

Josué 24:15

Deus te abençoe!


Ministro Carlos Carvalho

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Se alimentou? me faça feliz!
comente!

Me faça feliz, Comente!

Seguidores